Quá, Quá! Patópolis em Annantalo*

Exposição: “VICAR – uma vida a lápis”**
3.–31.10.2019, Annantalo, 2nd floor. Annankatu 30, Helsinki

Queridos amigos do Pato Donald em geral e, em especial, admiradores das maravilhosas tirinhas desenhadas pelo incomparável Vicar!

Na Finlândia, o Pato Donald não é um personagem ou revista em quadrinhos qualquer. A primeira revista do Pato Donald foi publicada em 1951 e alcançou sucesso imediato, transformando-se na revista preferida de todos os finlandeses, crianças e adultos. Nos anos 50, a revista estava repleta de desenhos de Carl Barks, o “Homem dos Patos”, cujas engenhosas histórias concederam aos habitantes de Patópolis um lugar especial no coração dos leitores finlandeses.

Cada década destacou artistas diferentes, graças aos quais o Pato Donald manteve sua posição como a maior revista semanal da Finlândia. Poucos desenhistas, além de Barks, tiveram um impacto tão grande no Pato Donald como o grande Vicar. Suas primeiras histórias apareceram na Finlândia no início dos anos 70 e, com seus desenhos maestrais, ele alcançou, em poucos anos, a alcunha de “o outro grande desenhista dos patos”.

Os nomes dos desenhistas da Disney não eram publicados nas revistas antes da metade de 1990, e isso aconteceu pela primeira vez na Finlândia, onde os fãs de Donald eram mais ardorosos do que em qualquer outro país. Meu predecessor, Markku Kivekäs, se esforçou para que os desenhistas recebessem o reconhecimento que tanto mereciam. Os finlandeses já conheciam bem o estilo incomparável de Vicar, que mesmo Barks considerava superior ao seu próprio.

Os desenhos de Vicar mantiveram o Pato Donald no topo por cinco décadas. Todas as semanas, 680 000 finlandeses fazem uma viagem mágica para Patópolis, ainda hoje encantados pelos desenhos de Vicar. De acordo com um estudo conduzido pela Revista Pato Donald, aproximadamente 40% dos finlandeses aprenderam a ler com a ajuda de Donald, daí o impacto de Vicar ser ainda maior do que você pode imaginar!

Eu tive a honra de encontrar Vicar em ambas as visitas que ele fez à Finlândia. Minha memória mais vívida é do carinho que ele irradiava quando encontrava seus fãs, dos menores aos maiores. São momentos como esses que fazem a vida – e revistinhas em quadrinhos – valer a pena!

Aki Hyyppä,
Editor Chefe / Patópolis
Sanoma Media Finland Oy

*Palavras do Hyyppä lidas em espanhol por Joel Oviedo (11), aluno da escola primaria de Käpylä na abertura do Kolibrí Festivaali e da exposição de VICAR, 3.10.2019, em Helsinque, Finlândia.

**Essa exibição é co-produzida por Ninho Kulttuurikeskus Ry & Embaxiada do Chile. E foi possível graças aos nossos parceiros: Ministério de Relações Exteriores do Chile & Annantalo.

Galeria del evento

Fotos de Maikki Kantola

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.